O que adianta fazer ritual disso ou daquilo, limpar seu campo energético, tomar banho de sal grosso, fazer apometria para retirada de obsessores e campos negativos… Se você não controla seus impulsos de comer doces, gritar com o parceiro, se vitimizar, assistir filmes e séries de baixa vibração… No entanto, o que adianta fazer um esforço enorme para se autocontrolar se você não atua e investiga a origem de tudo isso? Todos os seus vícios e hábitos negativos são consequências de alguma emoção não curada desta vida ou de vidas passadas. Foque na causa, e aí, automaticamente, se libertará de tudo o que te aprisiona, te limita, te impede de ser feliz. Energias negativas, pessoas negativas, obsessores, encostos… Não se aproximam de você por acaso. É você que os atrai e os chama através da emanação dos seus pensamentos, sentimentos, emoções e comportamentos. No mundo espiritual não tem jeito de você se esquivar ou fugir de energias densas. Você atrai diretamente aquilo que você vibra. Já, aqui na Terra, o Criador te deu a chance de ter essa experiência terrena para você curar as feridas da sua alma e aprender a se conectar com energias mais sutis e elevadas. Toda vez que você se rende ao seu vício, você está indo contra Deus, contra você mesmo, sendo ingrato ao maior presente que recebeu: a vida. Você muda o seu padrão energético através da mudança de seus hábitos, crenças e sentimentos. Aí, toda vez que você deixar seu corpo aqui na Terra, seja ao dormir todas as noites ou no desencarne, sua alma poderá se encaminhar a planos energéticos mais positivos. Esse é o propósito de todos os seres humanos. O caminho da ascensão e da interiorização te reconectará com a sua real essência.

Paula Teshima