Sabe qual é uma das receitas para que o outro fique aprisionado, apegado, dependente de você? Quando um ou ambos enviam energias negativas um para o outro, seja fisicamente ou à distância. Em outras palavras, entre vocês há karmas, dores e feridas da alma a serem transmutados.
 
Toda vez que vocês brigam e se afastam, o outro talvez queria realmente te esquecer e seguir a vida dele. Mas você começa a cultivar um monte de emoções e sentimentos negativos sobre o acontecimento e os direciona a ele, consciente ou inconscientemente. É exatamente isso que mantém a ligação energética entre vocês. Ele quer se afastar, mas não consegue porque você o “chama” com suas energias negativas. Como as leis universais são perfeitas e não querem que as pessoas fiquem com questões mal resolvidas, no final vocês acabam voltando um para o outro para resolver essa situação e voltarem a ficar em paz. No entanto, o dia que vocês se afastarem sem ter ocorrido nenhum desentendimento, e ambos ficarem de boa, é bem provável que as lições e aprendizados que um tinha com o outro foram todas cumpridas (até o momento, porque, no futuro, poderão surgir novas questões em comum a serem curadas devido ao novo nível evolutivo que vocês estiverem vivenciando). Vocês se afastam e não sentem nenhuma emoção negativa em relação ao outro, no máximo um pequeno sentimento de rejeição, abandono, tristeza, saudades… que são facilmente curados por já saberem o que isso significa, além de ser normal sentir isso durante uma separação. Não há mais tanta conexão entre vocês, possivelmente porque um ou ambos mudaram algo em suas vidas, para melhor. Nunca se culpe ou se sinta mal pelas melhorias que você fez na sua vida, e o outro permaneceu acomodado. Você fez as coisas que precisava fazer neste momento. Agora é hora de seguir em frente e se abrir para o que vier.
 
Essa ideia de se casar e viver somente com uma pessoa para o resto da vida é anti-evolutiva. Quando observamos pessoas que trocam de parceiros frequentemente, pode significar que elas não sabem lidar com os problemas que apresentam e ao invés de encará-los e resolvê-los, escolhem o caminho mais fácil e confortável que é fugir. Ou, significa que são almas mais evoluídas, conseguem queimar seus karmas em cada um dos relacionamentos, se afastam naturalmente e pacificamente, e vão buscar uma nova relação para continuar a transmutar outras coisas pendentes em seu ser.
 
As informações contidas neste texto não é uma recomendação de magia negra. Jamais faça isso propositalmente com o intuito de manter alguém em sua vida. Cada um sabe o que faz e sofrerá as próprias consequências. Aja naturalmente, sinta o que tiver que sentir e fazer, e o mais importante, faça o que te traz a verdadeira felicidade.
 
Paula Teshima